Uma Kombi e muitas idéias: oficinas de permacultura + música + cinema

A idéia do Kombioi Cultural é realizar, numa só visita a uma comunidade, várias atividades tratando de um tema central para reflexão nos dias de hoje. Permacultura: uma saída para a cultura do consumo.

Em cada saída da nossa kombi Zeolina são realizadas 4 atividades:

– Roda de conversa sobre a cultura do consumo
– Oficina de captação de água da chuva + economia de água doméstica
– Show do Bando de Seu Pereira
– Cinekombi

Roda de Conversa sobre a cultura do consumo

Na abertura do evento falamos sobre a cultura do consumo, sobre de que forma estamos consumindo de forma extremamente rápida os recursos do nosso planeta e sobre o nosso cotidiano: precisamos de tudo o que consumimos? O que fazemos com os nossos solos? O que fazemos com os nossos rios?

Oficina de captação de água da chuva + reúso de águas domésticas

Nessa oficina prática, os participantes terão a oportunidade de aprender como fazer sua própria minicisterna em casa e captar a água da chuva para fins não potáveis, ou seja: rega das plantas, lavagens e descargas.

Para saber mais, confira o link da oficina no site do Permacultores Urbanos.

Show do Bando de Seu Pereira

No forró do Bando de Seu Pereira o tema é a cultura da permanência. No repertório, clássicos da cultura popular que não podem cair no esquecimento e também músicas novas, que tratam de temas dos dias de hoje. Para conhecer mais sobre o trabalho do Bando, siga este link e confira os videoclipes abaixo:

CineKombi

Pra fechar o dia com chave de ouro, nos sentamos todos para apreciar um filme que traga reflexão mas ao mesmo tempo uma mensagem leve, pra fazer o povo voltar pra casa com uma sensação leve do nosso encontro. O mais cotado tem sido o Apart Horta, da Cecília Engels, confira o trailer:

Sobre a nossa Kombi Zeolina

Zeolina é um painel ambulante, uma obra de arte pincelada pela artista plástica Maria Fernanda Filardi Ferreira, como contribuição à sua primeira grande missão da nossa kombi, levar 7 permacultores para trabalhar com os atingidos pelo crime ambiental de Mariana, na primeira Expedição Rio Doce Vivo.

Além de levar permacultura e música Brasil adentro, Zeolina percorre nossas estradas poluindo muito pouco e se deslocando muito mais do que uma kombi comum. Ela é híbrida de gasolina e hidrogênio. Utiliza a água da chuva para fazer uma eletrólise e gerar o gás hidrogênio, que queima junto com o combustível fóssil no motor. Está curioso? Saiba mais.

Como nos contratar?

Simples, envie-nos um e-mail ou ligue-nos. Veja nossos contatos aqui. Até breve!